='cap-left'/>

Connie Mason - O Sabor Do Pecado


Sua reputação o precedia onde quer que fosse. Era Lorde Pecado, o libertino mais famoso da alta sociedade londrina. Nenhuma mulher jamais havia conseguido resistir a seus encantos. Esqueciam seus votos matrimoniais, os seus maridos e todo decoro quando caíam em seus braços. Nada podia deter as conquistas de Lorde Pecado, nem sequer a esposa com a qual o casaram quando ainda era criança, para preservar a paz entre os clãs escoceses e a Inglaterra, e a quem não havia tornado a ver. Tinha o mundo a seus pés... até que conheceu uma beleza de cabelo canela, ligeiro acento escocês e uma inocência que contradizia seu suposto matrimônio com um homem mais velho.
Mas Lady Christy não tinha nenhum marido... que não fosse o próprio Lorde Pecado. Tinham transcorridos quinze anos desde que o viu pela primeira vez, mas sabia que St. John Thornton - Sinjun para seus amigos e suas amantes, era fiel a sua reputação. Christy tinha claro que não lhe custaria muito trabalho conseguir que a seduzisse e consumasse seu matrimônio sem sabê-lo, resgatando-a assim de um destino ainda pior junto a um áspero chefe escocês. Mas o que nunca imaginou foi que seria tão difícil separar-se dele depois...


Faz parte da série: 


Taste of Sin:
1. 
A Taste of Sin (2000) - O sabor do pecado
2. 
A Breath of Scandal (2001)
3. 
A Touch So Wicked (2002)

Eu gostei do livro. Só tenho uma ressalva, é muita coisa, ficou  uma coisa meio que surreal... encontros e desencontros... e isso não aconteceu em virtude do destino, e sim pela cabeça dura da mocinha
Os dois se casaram novos, e quando digo novos, foi novos. Ela com sete e ele com quatorze anos. Claro que não consumaram o casamento e anos depois ela por "necessidade" "pelo futuro do clã escocês dela" resolve  não contar que é a esposa, resolve seduzir, engravidar e voltar para as Terras Altas como se não tivesse ocorrido nada exceto o baby, e claro que isso não deu certo. O Sinjun não vê o que lhe atinge mais acaba de quatro por essa bela amante que encontra. Quando ela some por já estar grávida o coitado fica em frangalhos, e agora vem a segunda crítica, pois toda vez que ele era contrariado e que ela tomava uma decisão precipitada- e foram muitas, ele acaba caindo na bebida e nas mulheres.  
(Vale destaque a parte em que passam na Escócia, adoro quando descrevem que eles comem pudim de aveia de manhã... ainda não sei o motivo, mas será que é desejo? Devo ir no mercado logo).
Voltando e encerrando, o que eu contei acima é somente a primeira parte, os dois vão e voltam da Escócia brigados trocentas vezes, e acaba que diálogos, cenas mais "caseiras" são pouco elaboradas. Tirando isso, é um livro na média dos históricos, exceto pela sensualidade, nisso e nos momentos mais calientes é excelente.




Já que a dona Lari já resumiu a história, rsrsrs, vou dá apenas minha humilde opinião.
O livro é muito bom, mas eu achei meio arrastado, tem mais de 260 páginas (em ebook) e para mim deveria ter umas 100 páginas a menos.
A mocinha é forte, decida e valente, mas só que faz tanta burrada e sempre fica na mesma que acaba cansando.
Sijun é um típico libertino, safado e sem vergonha na cara, mas é gostoso, mereceu muito do sofrimento que passou, pois não estava nem ae para esposa, mas acabou se apaixonando por ela.
A historinha de amor é bem bonita e conta com outros personagens que fazem do livro melhor ainda. Destaque para os irmãos de Sijun: Emma (irmã mais nova) e Julian (irmão mais velho).
Confesso que Julian me conquistou mais que Sijun, acho que porque ele é sério e autoritário, isso me faz ficar gamada, xD.
É uma história bem agradável para quem gosta de históricos como eu e vale a pena ler, mas tem que ir preparado para ficar com muita raiva das coisas que Christy faz.
Leiam e se deliciam!!!
xD




Comentários
13 Comentários

13 comentários:

  1. Nossa, eu não conhecia esse livro. Mas adorei a capa, bem sensual.

    Bjs meninas.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lari e Lu. Gostei da resenha.
    Pode me mandar o e-book?
    carolina.808@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Ei meninas,
    Não tenho muita paciência para estas histórias enroladas e arrastadas não mas gostei dos protagonistas, e a capa é linda tbm :)

    bjo

    ResponderExcluir
  4. Oii Lari e Lu,
    adoreii a resenha das duas!
    Nunca tinha visto esse livro, mas parece seerr muitoo bomm!!
    hahaha, é muito ruim ficar com essa sensação de que o livro poderia ter menos páginas né?! ^^
    A capa é beemm bonita! ;)
    beijoos

    ResponderExcluir
  5. Oi, tem selinho pra vc lá no meu blog.
    BjOss

    ResponderExcluir
  6. Gostei da capa!! Lindaaa!
    Mas tenho o pé atrás com histórias enroladas de vai e vem...

    ResponderExcluir
  7. Ixi não é o tipo de história que eu esteja com espirito de ler agora, mas adorei as resenhas, acho legal resenhas duplas - fica bem mais fácil de saber se vai gostar ou não.

    Bjus

    Ah a capa é linda mesmo...

    ResponderExcluir
  8. HUm então esse livrinho só tem em ebook versão espanhol neh só pra saber mesmo desde obrigada

    ResponderExcluir
  9. Lilha, ele foi traduzido pelo TIAMAT, se quiser o e-book em port. avise =)

    ResponderExcluir
  10. Olá , adorei a história ,tenho um fraco por libertinos convertidos lol, mas fiquei com gosto de quero mais , não existe a tradução do resto ?

    ResponderExcluir
  11. Pelo amor de Deus, me manda esse livro!
    lilianrejane_7@hotmail.com

    ResponderExcluir
  12. gabi-flora@hotmail.com

    ResponderExcluir