='cap-left'/>

Entrevista - Fernanda França

Caras leitoras do Libros di Amore, com muita honra quero lhes apresentar a escritora de Nove minutos com Blanda, a linda Fernanda França.

Essa será a primeira entrevista (estamos chique), mas adianto, não deveremos ter muitas mais, confesso não ser uma boa entrevistadora, por incrível que pareça, resenho melhor.

Mas esse caso é especial, Fernanda França merece o espaço e carinho do Libros.

E logo logo, teremos a resenha desse belo chick lit e uma promoção. Yep, vocês são sortudas e concorrerão a esse belo livro.






Sobre Fernanda França escritora, 

Lari: Nove minutos com Blanda é seu primeiro livro (de muitos que virão) lançado. Como surgir a idéia, quem te inspirou? E Como você, Fernanda França, se descobriu escritora? 

Fernanda: Olá pessoal. Estou muito feliz pela oportunidade de mostrar meu trabalho a vocês. Eu digo que acho que nasci escritora, sempre quis ser escritora. Nos meus trabalhos de escola eu já escrevia que seria “jornalista e escritora”, ainda muito nova. Primeiro eu me tornei jornalista (sou formada há 10 anos e trabalho na área há 12), mas nunca deixei de escrever histórias. Nove Minutos com Blanda começou sem ideia de virar livro, era uma história que eu queria muito contar. Quando percebi, já estava grande demais para um conto. E descobri que queria escrever livros para sempre.

Lari: Como se dá o processo de criatividade, criação do livro? Já tens o esquema montado no começo,ou os personagens possuem vida própria e definem seus caminhos ao longo da escrita? 

Fernanda: Eu brinco que não crio os personagens, apenas conheço os personagens (risos). No começo tenho uma ideia, sim. Sei o começo, o meio e o fim. Mas de repente personagens novos aparecem, surgem surpresas, é uma delícia.

Lari: Como surgiram os nomes dos seus personagens? Fiquei morrendo de curiosidade em relação à Blanda, por que escolheu esse nome?

FernandaEu comecei meu primeiro blog em 2001, ainda era uma novidade, quase ninguém tinha. Um amigo montou para mim e perguntou que nome eu gostaria de colocar no blog. Eu não sabia, mas também não queria colocar meu próprio nome. Procurei na internet, nem lembro em que sites, e encontrei Blanda. Adorei o nome e virou um pseudônimo. Assinei como Blanda por anos, até que resolvi criar um site com o meu nome e mostrar o meu trabalho e a minha cara :o) Quando comecei o romance, não pensei em outro nome, foi natural escolher Blanda. Mas no livro ela é uma personagem e tem a própria história.

Lari: Muitos escritores criam seus personagens a partir de pessoas de seu círculo de relacionamentos. Isso aconteceu contido? Se sim, pode me dizer quem guiou você ao escrever o Bernardo? (Se sim, me deixa o e-mail por DM.)

FernandaHahaha, adorei. O Bernardo é um pouco de muitos homens bacanas que existem por aí. Porque existem, meninas, eles existem! E há histórias baseadas em relatos de amigas, de amigas das minhas amigas e por aí vai. Com ficção, claro.

Ps: Bernardo é um personagem especial, um gerente de banco que toca na noite? Lari AMOUUUU.

Lari: Tens alguma rotina para escrever? Ouvir músicas? Algum horário em específico?

FernandaGostaria de ter mais rotina para escrever, mas eu trabalho como jornalista o dia inteiro, então escrevo geralmente à noite, quando posso, e nos finais de semana. Gosto de colocar música enquanto escrevo e às vezes gosto do silêncio e da companhia dos meus gatos. E adoro escrever de madrugada. Se eu pudesse, faria isso todos os dias :o)

Lari: Qual o conselho que você daria às pessoas que desejam publicar um livro pela primeira vez?

FernandaSe o livro ainda não foi escrito: ler muito, muito, muito. Se o livro está escrito: batalhar, batalhar, batalhar. Não é fácil ser escritor, começar do zero, não ter indicação, não é. Mas é delicioso, é incrível. E não desistir no primeiro não, porque recebemos muitos “nãos” antes de um “sim”.

Sobre Fernanda França leitora, 

Pergunta enviada pela Nick - Fernanda, você como escritora e também como leitora, uma ação que antecede a escrita. Quais são seus autores e livros preferidos? Alguma recomendação?

FernandaUma ação que antecede a escrita? Às vezes anoto tudo no caderninho, a lápis, antes de escrever no computador. Tenho um autor preferido desde a infância, e acho que vale Mauricio de Sousa, não vale? Adoro Turma da Mônica. O livro mais fantástico que eu já li é Ensaio sobre a Cegueira, do Saramago. Escritoras eu indico as brasileiras. Vamos valorizar o que produzimos aqui? ;o) Tammy Luciano, Patrícia Barboza e Paula Pimenta são minhas leituras recentes. E escritoras maravilhosas.

Lari: O Libros di Amore é um blog voltado ao romance, gostas de ler livros de banca, histórias com grandes amores, aquelas que nos fazem suspirar e sonhar?

Fernanda: Eu adoro uma linda história de amor! Ai, ai... Leio tudo o que cai na minha mão, se alguém me emprestar e dizer "é bom!", não tenho preconceitos. Não mesmo. Leitura boa é lida. Não existem livros ruins, existem pessoas que não leem e isso sim é ruim.  :o)

Lari: Como você tem visto o crescimento do interesse na leitura de um modo geral? O pais está realmente ficando mais culto? Como se sente ajudando a sociedade nesse sentido?

FernandaEu me sinto muito feliz por saber que as pessoas têm lido mais. Acho que o mercado está crescendo e espero que nós, brasileiros, tenhamos mais oportunidades de publicação. E ler é a melhor coisa do mundo. Todas as crianças deveriam ser incentivadas a ler... É a base.

Rapidinha, em uma palavra (sempre quis imitar a Xuxa):

Livro Nove Minutos com Blanda, vale? :o)
Filme Peixe Grande
Amor Pela vida
Família Base
Casamento Fortaleza
Deus Em tudo
Ódio Pra quê?
Paz Felicidade

__________X___________

Essa paulista de 30 anos que escreveu seu primeiro poema aos 6 anos de idade, é um grande talento. Escrevem na agenda o que digo, irão ouvir muito o nome dela. Se quiserem conhecer a autora ainda mais, é só clicar AQUI. E claro que ela tem twitter, @fernandafranca.

Ps: Agradecimento especial a Dominique que me ajudou com as perguntas, quem quiser conhecer mais o espaço dela, clique AQUI.
Comentários
18 Comentários

18 comentários:

  1. Muito bacana a entrevista!! Agora queremos mais!!!:D

    ResponderExcluir
  2. Não ficou uma entrevista ruim! Longe disso, eu AMEI! Entrevista muito bem feita :D
    Adorei conhecer um pouco mais sobre ela, estou louca para ler o livro dela!
    :*

    ResponderExcluir
  3. Ei Lari,

    Ficou show querida, adorei a primeira entrevista do blog e conhecer um pouco mais da minha xará rsrsrs

    A Fernanda parece ser bem divertida e engraçado que só pela foto eu já achava isso rs

    Eu quero este livro!! Lari me empresta pelo correio depois q vc terminar hauhauhau

    bjoooos

    ResponderExcluir
  4. Nossa, AMEI a entrevista! Ainda não li o livro não, mas só de ouvir falar (principalmente da parte do Bernardo), já meio que me conquistou!
    Ela parece ser super gente boa, e eu mal posso esperar pra ler o livro dela!
    AMEI! De verdade, muito bom!
    Beijooo :*
    Thayná, blog Bookaholic Girls.

    ResponderExcluir
  5. Bacana! Parabéns Fernanda!!

    bj

    ResponderExcluir
  6. Amei a entrevista!
    Nossa, a Fernanda se diverte escrevendo, deve ser muito prazeroso fazer um trabalho onde se diverte!
    Um dia ainda publico meus contos e poesias, pois amo escrever!
    Beijo amores!

    ResponderExcluir
  7. entrevista 10.
    Nossa meninas, o blog está cada vez melhor.
    Parabéns para vocês, huahuaua.
    Piadinha do dia.

    Fernanda é muito simpática.
    Entrevista mara. ^^

    ResponderExcluir
  8. Adorei a entrevista lari,sucesso para a Fernanda!!!


    O Libros esta cada vez melhor hehe

    beijos meninas!

    ResponderExcluir
  9. SUAHSUAHUS agora só falta a Casinha abrir uma sessão de entrevistas, apesar de eu não curtir muito, as pessoas gostam então...

    xxx
    Ana

    ResponderExcluir
  10. Nossa, que entrevista gostosinha!!! Ficou show! Todas vez que adoro a entrevista de um autor fico querendo o livro! Meu salário não me permite comprar todos eles!!
    Esse, também, quero ganhar pra poder ler! XD

    ResponderExcluir
  11. Lariii! Olha eu aqui, falei que entraria à noite e entrei!
    Quem disse que vocÊ não tem jeito para entrevistas? Tá doida. Gostei muito. E a rapidinha (da xuxa kkk) gostei!
    Nove minutos com Blanda é um livro e tanto, acho que foi o primeiro livro que li em poucas horas.

    Beijos :)

    P.S: Já sabes, né? Te espero no Ediverdade tbm kkkk tbm tem entrevista lá, com a Vivianne Fair.

    ResponderExcluir
  12. Entrevista perfeita!
    A minha xará é maraaaaa.

    Gostei da rapidinha Lari

    ResponderExcluir
  13. Ai, Lari, ficou show a entrevista e nem te ajudei tanto assim... aff! Mas, de qualquer forma, obrigada por indicar meu blog, quase chorei.

    Estou doida para ler sobre a Blanda. Bem, eu gostaria de saber se um raio cai duas vezes num mesmo lugar? Se sim, ganharei essa promo. hehehe.

    Bjjs.

    ResponderExcluir
  14. Ah... Como você é modesta!!!
    A entrevista ficou maravilhosa.
    Adorei.

    Beijos, meninas.

    Bianca.

    ResponderExcluir
  15. Nossa, amei a entrevista! Acho a Fernanda uma pessoa super querida e, nessa entrevista, ela mostrou ainda mais carinho com nós leitores.

    Parabéns meninas pela iniciativa e ficou mto bom sim!

    ResponderExcluir
  16. Lari, obrigada pelo seu carinho e pela entrevista, adorei!! :-) Meninas, muito obrigada pelas palavras, amei amei amei!!! Alegrias, Fernanda França.

    ResponderExcluir
  17. Muito legal a entrevista, Lari! Que simpatia a Fernanda!
    Ainda não li Nove minutos com Blanda, mas espero poder ler em breve. Estou amando essa nova safra de autores brasileiros que está surgindo e espero que não parem por aí.

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Adorei a entrevista Lari ^^
    E as respostas da Fernanda também. Mas PERAEE, um gerente de banco que toca na noite?! Eu quero esse livro. Adoro o nome Bernardo *-*
    E vou dizer mais uma coisa, Fernanda que olho lindo menina ^^ me empresta? rs
    Muito simpática também XD

    ResponderExcluir