='cap-left'/>

India Knight - Clara Hutt: Uma Vida de Bandeja


Clara Hutt: Uma Vida de Bandeja
India Knight

Sinopse: Clara Hutt tem trinta e poucos anos. É casada, tem dois filhos e mora numa bela casa em Londres. Mas se ela conseguiu realizar o sonho da maioria das mulheres, nem por isso deixou de ter seus problemas. Clara vive bem acima de seu peso e sofre com o desinteresse de seu marido em um relacionamento em crise. Sua vida, aparentemente normal, sai dos eixos quando entra em cena um bailarino irlandês supersensual, que começa a mudar, de uma hora para outra, o comportamento dessa anti-heroína. Um romance hilariante que está para as mulheres casadas como "O diário de Bridget Jones" para as solteiras.

Quando vi a sinopse desse livro, logo pensei: “VOU AMAR”. É um conjunto de fatos que me levaram a crer nesse fato: Uma mulher passando crise no casamento? Filhos pentelhos? Marido exasperante e um corpo nada atraente?

Logo pensei, se tiver uma boa pitada de humor será adorável. Resultado? Não foi.

A narrativa foi meio cansativa, algumas vezes tive que me policiar para não pular folhas. O começo empolga, e quando vemos a situação de Clara, esperamos um desenrolar cheio de situações hilárias e com algum enredo atrativo. Essas situações não chegam, o livro se passa sobre a rotina dela e os percalços de ser mãe, amiga, filha e mulher. Um dia cada vez, um dia mais cansativo e chato que o outro.

Ok. Reconheço, algumas passagens valem a pena, tem algum humor. Mas nada, nada que faça você rir, ou se apaixonar pelo livro.

As ações de Clara são normais e previsíveis, depois de 8 anos de casamento. Não sou casada e não posso julgar com exatidão, mas são poucos ou raros os casamentos onde a paixão é aos poucos relegada pela fraternidade. O segredo, creio eu, é inovar e fazer com que cada dia seja do anterior, conquistar a cada novo amanhecer seu cônjuge, fato que não aconteceu com nossa protagonista. Ao contrário, parece que o casamento foi acontecendo e ela não participou ativamente, e nem ele.
Além do casamento ruindo, Clara tem seus dois pentelhos, ops, filhos, de três e seis anos, que não a deixam sossegar nem ao menos um instante. E é com eles que o livro trás alguma motivação para continuarmos a ler.
A mãe de Clara, para piorar, é uma “mala” que está indo para seu quarto casamento, e só sabe criticá-la, o que não é nada bom em meio aos dramas e receios da filha. E não se enganem, nossa protagonista não fica se lamuriando, somente é acomodada, com medo de ser diferente.

E por fim, ao lerem a sinopse, notarão que ela cita um irlandês para balançar o coração, mas, até agora estou procurando. Ok, ok... Quem leu pode notá-lo e sabe que ele é importante, só que eu peguei raiva pela ansiedade com que eu fiquei sobre suas aparições, rs.
Em suma, o livro vale três estrelas. Nada “Óh, como eu amei!”, e nem como “Óh, como odiei!”. Na verdade algo como, “li, acabou, próximoooooo”.






Comentários
37 Comentários

37 comentários:

  1. Cada vez to mais me interessando pelo LED, o blog é d+++. Agora a sinopse desse livro nao me sai da cabeça, gostei bastante beijos
    http://popnewsmusic.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Tá bom, fiquei com medo. Até porque minha tolerância para livros chatos está baixíssima, então fica para a próxima ;)

    ResponderExcluir
  3. Puxa, achei que era bom. Comparar com Bridget Jones, né? Então já que é três estrelas, fica mais pra passa tempo só. Mas acho que combinou a história com o livro: vida de bandeja x história de bandeja, totalmente previsível. hauhsa xD. Li um livro chamado Sutiã PP que é mais ou menos assim. bom, mas previsível. Ainda dei 4 estrelas pq dei muita risada com ele. Recomendo pra ti :)

    Manter um casamento 'pegando fogo' deve ser muito dificil... Nem vou comentar pra não pagar pela minha língua depoi. ;P

    Beijos =*

    ResponderExcluir
  4. Adorei o Diário de Bridget, mas sua nota não me deu empolgação para correr e ir ler este. Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Quando li a sinopse achei o livro muito interessante mas depois de ler a sua resenha me desanimei bastante.

    ResponderExcluir
  6. Não quero!
    hehehe

    É tão ruim quando a leitura não flui, né? Quando não há um bom motivo para querer mais e mais. Vou passar este livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Hum... Pela sinopse, parece que o livro vai ser ótimo, mas não fiquei com vontade de ler, acho que vou acabar me decepcionando, sabe? Odeio quando isso acontece! =/
    Mas você vai ver, o próximo livro que ler vai ser bem melhor! =D

    Beeijo!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Lari.

    Já conhecia esse livro faz tempo, mas nunca cheguei a lê-lo. A sinopse chama bastante a atenção e pensei que fosse no estilo dos livros da Marian Keyes.

    Mas depois da sua resenha, acho que vou passar, viu? É tão frustrante quando criamos expectativas e acaba sendo o que não esperávamos. Já aconteceu comigo!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Lari...
    A sinopse realente impression ao comparar o livro ao Diário de Bridget Jones (*não que eu tenha lido, mas adorei os filmes, rs)

    é uma pena quandoos autores se perdem num livro que tem todos os "ingredientes" pra ser interessante ^_^
    ... Curiosa quanto ao tal irlandes hehehehee
    bjusssssssss

    ResponderExcluir
  10. Nunca tinha ouvido falar desse livro. Lendo pela sinopse parece ser no estilo Marian Keyes e tal e também me chamou a atenção, mas pela sua sinopse não senti muito entusiasmo para ler, kkk.

    ResponderExcluir
  11. É! Tipo assim... a capa é bonitinha, mas essa história não me encantou pela sinopse... e pela sua resenha o livro não é lá aquela coisa, então passo...

    ResponderExcluir
  12. Esse é um daqueles livros que nó lemos por ter começado a ler, querer saber o final e não deixar abandonado. Porque nem é muito legal.

    ResponderExcluir
  13. Eu jurava que o livro era bom, mas as aparencias enganam ne menina!?
    Talvez tenha sido como tu disse, muita espectativa e o que poderia ter sido bom, tornou-se médio...

    Mesmo assim sua resenha valeu para que a galera ansiosa. Euuuuuuuuuuu \o/

    Beiiinhos

    ResponderExcluir
  14. A vida de ninguém é perfeita, não é mesmo? xD
    O livro parece mesmo muito bom. Uma ótima indicação, se tiver a chance, não deixarei de comprá-lo para ler.

    http://caixinha-de-tudo.blogspot.com

    ;*

    ResponderExcluir
  15. Eu gosto de livros deste tipo! A capa tb é bem legal.
    bjs

    ResponderExcluir
  16. Oi Lari já li alguns livros assim e é realmente desanimador, dá vontade de largar pra lá ou pular mesmo as páginas pra chegar logo ao fim.

    Uma pena...

    Xero.

    ResponderExcluir
  17. Eu tb podia jurar q era bom.. q decepção..
    é tão ruim um livro 'acabar' assim com essa sensação. Deve ser daqueles q possui os elementos necessários.. mas ñ consegue trabalhar com o q tem e dá nisso :-/

    Ainda bem q ñ comprei eheheh

    bjs

    ResponderExcluir
  18. É realmente horrivel quando queremos muito ler um livro e ele não agrada, ainda não li este e agora fiquei com menos vontade ainda, bjos.

    ResponderExcluir
  19. Ei Lari,

    Já tinham me falado que este livro era fraquinho, na época até desisti de comprar. Agora só leio se for emprestado e olhe lá rsrs

    bjo

    ResponderExcluir
  20. Quando eu vi esse livro no Skoob, fiquei super empolgada com a perspectiva de ver a rotina de uma mulher casada e de ser um livro tão bom quanto o da Bridget Jones (não que eu tenha lido, mas todo mundo diz que é muito bom e eu tenho vontade de ler também).
    Agora que vc falou que a narrativa é cansativa e tudo mais, bom, ele está lá para os últimos lugares na minha lista de livros pra ler. Realmente.
    E eu fico tão agoniada com esses livros que as protagonistas tem filhos pentelhos! NOSSA, como eu tenho raiva de criança pentelha! auhauahuahauhauahuaha Daí eu vejo que ela tem filhos pentelhos + nenhuma força pra mudar a atitude + uma mãe mala?? Bom, o resultado é: não quero ler... ^^

    Lari, gostei da sua resenha! Foi super sincera!
    Beeijo! ;3

    ResponderExcluir
  21. Esse livro não em atraiu de maneira nenhuma. Nem a capa, nem a sinopse. :/
    Bom, de primeira eu não gostei da capa, mas daí veio aquele veeelho ditado na cabeça "não julgue um livro pela capa", mas aí quando li o resumo achei tão tedioso quando foi descrita nessa resenha.
    Eu gosto de histórias que fazem a gente grudar os olhos no papel e querer saber o final, mas ao mesmo tempo não querer que o livro acabe para não ficarmos com aquela sensação de vazio e saudades dos personagens.
    Entretanto, ele deve ser ótimo para quem gosta de histórias cotidianas e sobre aprendizado.

    Adorei a resenha. xxx

    ResponderExcluir
  22. Oie,
    Nossa quando comecei a ler a resenha esperava que o livro fosse bom porque voce acabou citando um dos livros que acabei de ler ontem o da Srta Jones e amei so que pelo jeito esta mais para Marian Keyes. Não que seja ruim mas esse tipo de leitura não me atrai nada.EHhehehe. Bjks

    ResponderExcluir
  23. Oi!!
    Li a sinopse e pensei a mesma coisa que você, mas pela sua resenha, não é muito legal. Vou deixar passar para ler livros mais interessantes.

    ResponderExcluir
  24. Vixe...pois é, tem livros...e livros...alguns nos cativam de verdade...outros...já abandonei alguns...

    ResponderExcluir
  25. parece ser taaaaaao divertido
    mas a resenha me alertou da narrativa cansativa, vou ver se leio
    bjokas

    ResponderExcluir
  26. POXA, PENSEI QUE SEIA ALGO PARECIDO COM MELANCIA, MAS PELA SUA RESENHA NEM CHEGA AOS PÉS, PENA!
    Leitura chata e cansativa, nem tinha terminado!
    Mas sempre vale a experiência!
    Beijos Lari!

    ResponderExcluir
  27. Não minto que lendo essa sinopse também pensei "VOU AMAR". Tanto porque, que mulher nunca se viu acima do peso? =/

    Só essa questão de ser humor... XD ninguém nunca tratou os sentimentos de uma gordinha à sério, não em livros ou filmes.

    Nooosssa, olha os créditos do negócio hein. To perdendo a vontade de ler agora XD (O tipo de livro que fica na pilha de "Ler quando estiver com insônia")

    “li, acabou, próximoooooo”, EU RI! aeiuheaiueaheaui

    Lari, suas resenhas são ótimas, parabéns. Elas são divertidas de se ler, são dinâmicas e com uma liguagem limpa. =] parabéns!

    ResponderExcluir
  28. Eu já não curto mto chick-lits, lembrei que fui baixar um ebook e não sei porque cargas d'água acabou vindo esse... enfim, não li, e nem tenho vontade depois dessa resenha. (fora que na época a capa não me chamou atenção). Beijos!

    ResponderExcluir
  29. Axo que esse aí não quero ler, não! rsrsr

    ResponderExcluir
  30. Axo que esse aí não quero ler, não![2]

    ResponderExcluir
  31. Axo que esse aí não quero ler, não![3]

    ResponderExcluir
  32. iiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
    me desanimou mt eim

    ResponderExcluir
  33. É parecido com "Ame o que é seu"? Já aconteceu várias vezes comigo de querer pular páginas de um livro pra ver se lee fica + interessante. rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  34. Tava procurando um livro mais leve pra ler, mas pelo visto este não tá muito bom.

    ResponderExcluir
  35. Adorei a resenha... leitura light, gostosa!!

    ResponderExcluir
  36. como sempre uma otima resenha!!!
    parabens o///

    ResponderExcluir
  37. Li o livro essa semana e gostei muito, adorei a resenha e concordo com vc, em algumas partes a leitura é meio cansativa.
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir