='cap-left'/>

Daniel de Carvalho - Os preconceituosos

Antes de falar sobre o livro, mais uma vez quero lhes deixar com inveja: tive a chance de lê-lo à beira-mar, embalada pelo som das ondas, e tendo os pés banhados pelo oceano.  Paisagem perfeita, não é?

E também quero aproveitar o momento para  agradecer a Aline, da Editora Baraúna, pelo carinho e confiança... 


Daniel Carvalho/ Os preconceituosos

Protagonista, antagonistas ou meros coadjuvantes? Podemos escolher qual o papel viveremos em nossas vidas? Daniel Carvalho nos instiga questionar sobre isso, ao descrever em seu livro “o autor Desidério” — que está escrevendo um livro.

Como assim? Um livro dentro de outro livro?

Isso. Lemos em Os preconceituosos a relação do criador, Desidério, com suas criaturas, os personagens do livro escrito por ele...

Quatro pessoas. Quatro destinos governados pelo autor Desidério: Bento, Glória, Mônica e Demétrius não sabem, mas não são os escritores de suas próprias vidas... 

Bento é um jovem rico com origens em Moçambique, que sonha em ser embaixador e tem um enorme preconceito contra os pobres. Segundo esse personagem, o pobre não possui classe, são desinteressantes de assuntos além da banalidade do dia a dia. 

Glória é uma moça pobre que, aos dezenove anos, está fazendo supletivo. Como moça religiosa que é, não aceita que seu primo Demétrius seja ateu, e tem preconceito contra aqueles que não seguem de maneira fervorosa a sua religião.

O destino — ou o autor Desidério— determina que o Bento e Glória se encontrem... Será o amor capaz de superar todo esse preconceito?

Demétrius é um homem com origem pobre que conseguiu se estabilizar. Engenheiro bem sucedido e independente financeiramente, ele já usufruiu do serviço de garotas de programas, mas sente um profundo rancor contra elas e também com as demais mulheres. Ele é contra o casamento e se, por acaso, se apaixonar, só irá se casar com uma moça virgem.

Mônica é uma jovem bailarina de vinte e cinco anos, que faz um “extra” como prostituta. Seus pais moram no interior de São Paulo e são pessoas “dos tempos antigos” e “de família”, que sonham com o dia em que um homem irá até sua casa para pedir a mão da filha. Realista, essa personagem sabe que não irá se casar...

Mais uma vez o autor resolve criar um impasse, colocando Mônica na vida de Demétrius e fazendo com que uma obsessão seja criada. Ela também gosta do rapaz, mas como será o futuro? Será que os preconceitos de Demétrius determinarão o fim desse tênue amor?

Apesar da recomendação (gostei do livro), a crítica negativa maior se deve pela  falta de  verossimilhança. Não que isso seja requisito, afinal, na literatura não há limites. 

Contudo, entendi que a proposta de Daniel Carvalho foi de enfocar a nossa realidade e nos fazer questionar sobre o determinismo ou livre arbítrio. Os personagens seriam pessoas de nosso cotidiano, que teriam suas vidas escritas por Desidério e, sendo assim, a verossimilhança deveria ser fundamental, por isso alguns fatos narrados foram estranhos.

Por exemplo: quando um personagem, após somente dois encontros e um somente uma troca simples de palavras (sem maiores intimidades), convidou sua amada viver com ele, e notem que ela uma garota de programa. Ok, nada impede que isso ocorra em verdade, mas no livro não convenceu. Outro exemplo foi quando outro personagem pegou na mão de sua amada e ela ficou ressabiada. Sim... não leram mal: somente por pegar na mão! 

No mais, o livro é uma excelente dica para essas férias! Com uma linguagem impecável e fluída, o autor Daniel Carvalho consegue cumprir sua missão de entreter. É um livro  gostoso de ler... e espero ter a chance de ler mais livros desse autor.





Comentários
25 Comentários

25 comentários:

  1. eu li Os preconceituosos e como sou uma super hiper mega leitora de banca, amei o jeito de escrever do Daniel, coloquei meus óculos cor de rosa e aproveitei a leitura e li tudo numa manhã só

    ResponderExcluir
  2. Eu gostei do livro Os Preconceituosos! Também achei alguns fatos um pouco forçados, assim como alguns diálogos. Mas, de maneira geral, foi uma leitura prazerosa =)

    Beijos,

    Nanie
    http://naniedias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Hum... nauam parece fazer muito meu estilo...

    http://conversandocomdragoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. "Antes de falar sobre o livro, mais uma vez quero lhes deixar com inveja: tive a chance de lê-lo à beira-mar, embalada pelo som das ondas, e tendo os pés banhados pelo oceano. Paisagem perfeita, não é?"

    Pode se sentir satisfeita. Invejei totalmente. rsrsrs

    bjokas

    ResponderExcluir
  5. adoro metalinguagens, acho super legal o jeito como é explorado esse negócio de "um livro dentro de um livro" :P apesar de esse em especial não ter me chamado muita atenção.
    beijoquinhas

    ResponderExcluir
  6. Parece ser um livro bom apesar dos detalhes citados, curiosidade batendo pelo primeiro comentário, esse livro é de banca? Porque é aqui no estado é comum a gente não conhecer metade dos livros.
    Beijinhos,K.
    Girl Spoiled

    ResponderExcluir
  7. Primeiramente que eu adorei o titulo deste livro!! deve ser realmente MUITO bom!! Gostei bastante da resenha tb parabéns !
    Beijos
    Carol {SobreUmLivro}

    ResponderExcluir
  8. Ei!
    Não sei se este livro faz muito meu tipo.
    Fiquei com inveja foi de vc lendo à beira-mar. Oh como eu queria estava numa praia agora =X
    Bjins

    ResponderExcluir
  9. Pois é, também não sei se ele faz muito meu tipo, mas se surgir a oportunidade de ler, não vou perder.
    Agora que coisa, hein, dona Lari? Fazer o povo todo ficar com inveja de sua leitura na beira-mar não é correto. hahaha
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. WOW! Fiquei super interessada! Sério, parece ser muito bom esse livro :o Nem fiquei com inveja u_u Não gosto de praia! KUHSDKUSHDKSHU

    Beijos
    World of Carol Espilotro

    ResponderExcluir
  11. Gostei do titulo me chamou muita atenção!
    Só faltou uma história que atrai muito preconceito que é a homosexualidade.
    Mas vou procurar esse livro e vou le-lo com muito prazer...

    ResponderExcluir
  12. Gostei do título e da resenha tbm....
    Fiquei curiosa para lê-lo.

    Obs: Sim, vc conseguiu, fikei com inveja! rsrsr

    ResponderExcluir
  13. Vc estava certa: conseguiu me deixar com inveja!

    rsrs

    Qro ler!

    BjoO
    Pri
    Entre Fatos e Livros

    ResponderExcluir
  14. Ahahahahaha

    Que lugar maravilhoso para ler hummmm
    Amei a leitura deste livro, mas O Vila Citrus do mesmo autor vc tem que ler, é perfeito e original!

    Bjs e Boas leituras :)

    Thaís

    ResponderExcluir
  15. Esse livro não me chama muito a atenção.. Não faz o meu estilo literario

    ResponderExcluir
  16. Oii!
    Ótima resenha, exceto pelo 1º parágrafo - que foi só para nos deixar com inveja, né? ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Ei Lariii

    Que livro interessante! Gostei da resenha!

    beijocas

    ResponderExcluir
  18. Muito interessante... Na praia, neah? :p Bjs.

    ResponderExcluir
  19. Lari, eu já disse o quanto você é malvada? Não? Pois vou dizer... sua máaaa!!! Fazendo inveja da praia!

    Gostei da resenha, Lari e normalmente gosto de livros no estilo desse... mas como não tô comprando nada, esse não vai pra minha oh-não-tão-pequena-pilha hehehe

    ResponderExcluir
  20. Oi Lari! Você é uma fofa mesmo!
    Teria feito mais inveja se tivesse falado a praia! Santa Catarina é linda!!

    Beijos
    Aline (Editora Baraúna)
    http://viciodemenina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Lari... parece um livro interessante! Uma leitura difente...
    só não gostei muito da capa...

    bjuss

    ResponderExcluir
  22. Oi, Lari!

    Você acredita que ainda não fui a praia esse ano?! Ando tão preguiçosa...

    Quanto ao livro, não sei se gostaria de lê-lo.

    Um beijooo

    ResponderExcluir
  23. O livro é diferente, me lembrou um pouco A Escolha de Cada Um, no caso de se um livro dentro de um livro. Fiquei com vontade ler ele. É de um autor brasileiro, isso dá mais vontade.
    Espero ler ele em breve.
    Bjo

    ResponderExcluir
  24. Eu quero ler esse livro, eu curti a sua resenha tbm! :)
    Achei interessante.

    ResponderExcluir