='cap-left'/>

Debbie Macomber - Um bom tricô

Mais um livro que há séculos estava perdido na minha estante. E  confesso que se não o tivesse encontrado a 9,90 em uma promoção no Submarino (torçam para ainda ter), nunca teria passado pela minha cabeça a intenção de comprá-lo.

Ora, o livro não é de alguma de minhas autoras favoritas, o enredo na sinopse não havia me cativado e a capa... bem, feia é o mínimo que posso dizer.

Hoje, não comprá-lo, sabendo o que li e o tanto que gostei, pode ser considerado um verdadeiro sacrilégio!



Quatro mulheres totalmente distintas, com vidas e idade opostas, quatro mulheres que provavelmente nunca se encontrariam a não ser pela atividade de tricô.

Lydia teve câncer duas vezes, uma quando era adolescente e a outra, antes dos trinta... Duas vezes conseguiu superar a trágica doença, mas sua vida nunca pode ser devidamente aproveitada. Sempre acompanhada pelos médicos, receosa de que o câncer voltasse, viveu quase que totalmente reclusa....

Mas agora Lydia não queri mais ser assim, quer gozar da vida e ser feliz, correr atrás dos sonhos. Simplesmente viver.

No tempo em que passou doente, encontrou o tricô. E seria com o tricô que mudaria de vida, então abriu uma loja de lãs e começou também a ensinar tricô. Mas sua irmã que, infundadamente, sempre tivera ciúmes das atenções recebidas por seus pais em decorrência do câncer, estava contra seu estabelecimento. 

Será que a loja teria sucesso? As duas irmãs se entenderiam? Lydia encontraria, enfim, o amor?
Carol queria se tornar mãe, há anos estava tentando e tentando, inclusive havia feitos duas tentativas de inseminação artificial. Seu plano de saúde cobria três tentativas, e estava na iminência de fazer a última... Sua última chance de realizar seu sonho. 

Dessa vez, sabia que iria dar certo. Seria mãe! E queria fazer tricô para preparar roupinhas para seu bebê e, ao olhar a lojinha de Lydia, inicia seu curso para confeccionar o enxoval.

No entanto, no fundo, o medo a tomava. Conseguiria desta vez? Seu casamento iria resistir?
Jacqueline tinha um casamento de aparências. Há muito tempo havia amado e se sentira apaixonada, mas o tempo fez que com ela e seu marido se afastassem.  No presente, a única coisa que lhe importava de verdade era seu filho. Contudo, ele havia se casado com uma sulista detestável e, pior, sua nora estava esperando um filho. 

Com o fim de tentar se mostrar diferente, resolve, num impulso, fazer aula de tricô e fazer roupinhas pra seu neto.

O casamento dela teria seu fim?  Seu relacionamento com seu filho melhoria? 

Alix era uma rebelde com causa, não tinha uma família e quando teve o resultado foram traumatizantes. Já usou drogas, tinha amigos duvidosos e cumpria uma medida alternativa por ter sido condenada penalmente, com um projeto de fazer tricô...

É quando volta a encontrar-se com um antigo amor de seu tempo de criança: Ele era um pastor e ela uma rebelde, duas pessoas que aparentemente não tinham mais nada a ver um com o outro.  Como poderiam vir a ficar juntos?  

Eu amei o livro. Com paixão! Das quatro mulheres, as histórias de Alix e Jacqueline foram as que mais me encantaram. Um socialite e uma “desbocada” que, a princípio, se detestaram mutualmente, mas depois começaram a perceber que havia muito por trás das imagens que projetavam.

O relacionamento de Alix e seu pastor foi muito fofo, a forma com que ela não acredita que ele estivesse apaixonado foi muito legal.

Destaque ainda para Jacqueline. Confesso que em sua primeira aparição a detestei. Aparentemente uma mulher fria e arrogante. No entanto, com o passar do livro pude me encantar, pude entendê-la e torci muito para ela. 

Nem preciso dizer que indico o livro, certo? 

O livro é do jeito que gosto.

A forma humana com que a autora trata os personagens é formidável. Adoro quando consigo compreendê-los, me conectando as suas histórias e modo de vida. Ao compreender, consigo entrar de cabeça e me emocionar, os protagonistas vão se tornando pouco a pouco meus melhores amigos.

Bora correr para comprar! 





Comentários
6 Comentários

6 comentários:

  1. Fiquei doida para conhecer esse livro, e nossa eu também ja vi ele muitas vezes em promoção e nunca comprei, vou rever isso nas minhas próximas compras...obrigado pela maravilhosa resenha e indicação. Gostei tanto da resenha que indiquei ela nos meus links da semana...passa la e da uma olhada: 
    http://amagiareal.blogspot.com/2011/09/03-links-que-vistei-na-semana.html

    Beijokas Elis

    ResponderExcluir
  2. Livros que falam sobre vidas... vidas diferentes, que se encontram por um motivo tal... Gosto de histórias assim!
    Doidinha pra comparar esse livro!

    Resenha show, Lari!

    ResponderExcluir
  3. Ahhhhh, mas eu achei a capa tão linda! De primeiro confesso que a vi sem graça até fica a observando por um tempinho... rsrs

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Não sei mas este livro não me chama a atenção, mas vi que ele esta baratinho, então provavelmente ele vira pra casa comigo, uma hora destas, quem sabe eu goste, beijos.

    ResponderExcluir
  5. Não havia visto nennhuma resenha sobre o livro.
    Me interessei.

    ResponderExcluir
  6. Tbm comprei há 1 ano mais ou menos só pq estava 9.90 e ainda não li... sua resenha me animo =*

    ResponderExcluir