='cap-left'/>

Kathryn Ross - Notas de Sedução

Quanto tempo sem resenhar meus amados livros de banca... Claro que li muitos, mas acabei deixando as resenhas acumularem e, quando vi, passaram-se meses desde minha última resenha sobre eles... Verdadeiro pecado!


Notas da Sedução
Kathryn Ross

Isobel Keyes, uma jovem jornalista, precisava fazer uma reportagem com Marco Lombardi ou perderia o seu batalhado emprego, algo que não poderia cogitar. Para realizar sua missão, começou rondando empresa dele e logo é notada.

Ela não queria falar sobre a vida amorosa de Marco e sobre o final abrupto de seu casamento com uma estrela de cinema. E, sim, queria descobrir algo sobre as empresas dele, ainda mais por ele ter sido responsável pela derrocada de sua família, posto que há onze anos, Marco comprou de seu avô a empresa familiar e demitiu seu pai, fazendo com que ele, ao saber que nada restara da fortuna de sua mãe, as abandonasse.

Então, desde nova Isobel teve que ser forte e determinada, batalhando na vida, para suprir a falta do pai.

Intrigado quanto à jornalista que o rondava e receoso que ela atrapalhasse sua mais nova negociação, Marco resolveu chamá-la para seu escritório a fim de despistá-la. Só não sabia que ficaria profundamente atraído por Isobel.

Em sua vida, sendo rico e bonitão, Marco nunca havia encontrado uma mulher que não derretesse aos seus pés, ainda mais ela sendo uma inescrupulosa jornalista. Ao contrário do imaginado, ela parecia temer a atração que existia entre ambos.

Resoluto em conquistá-la, Marco a chamou para que ela o acompanhasse sua viagem para França. Uma questão de tempo até que os dois se entreguem a paixão.



Já havia esquecido o quanto é complicado resenhar meus adorados romances!
Ora, como não contar tudo, quando o final já é certo? Até hoje, na história dos romances, pelo que lembro foram somente um ou dois romances nos quais o happy end não foi para o casal em que torcíamos. Mas, hoje, o livro em pauta é uma típica literatura de banca: rápida e gratificante, casal com química que não tardam a encontrar um bom entendimento, porque todos queremos viver felizes para sempre acreditamos no amor, certo?

Eu gostei muito do livro! O relacionamento não acontece de uma hora pra outra, ambos são um pouco reticentes... Mas "MEU" Marco *suspiros" é um sedutor, gentil e extremamente amoroso que logo derruba as resistâncias de Isobel.

Adorei... Uma gostosa leitura.

Comentários
9 Comentários

9 comentários:

  1. Oi Sabrina, estou com esse livro há um tempão encalhado. Vou ver se agora me animo a ler. Bjos

    ResponderExcluir
  2. Oi Lari!

    Complicado mesmo, principalmente por saber que os dois ficam juntos no final hahahah

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Adoro esses livros assim! Meu, Deus, eu quero! Uma leitura pra passar o tempo sem deixar de ser gostosa, é o que esse livro me fez pensar agora.

    ResponderExcluir
  4. Nunca li um romance de banca... Quando eu era mais nova minha mãe não deixava, dizia que eram indecentes... rs, então eu acostumei a ler só livros. Mas adoro romances deste tipo, clichês que sempre terminam em final feliz! Acho que vou começar a ler uns romances destes...

    Bjinho,
    pirigueteliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Lari!!! Eu adoro lvros de Banca. Certeza de leitura com final feliz...quase como uma sessão da tarde. Adoro!!!
    bjs

    ResponderExcluir
  6. AAAAAAAAa

    Tenho que achar esse libro!

    Que marabi!
    :))



    Selene Blanchard
    Blanc – ModaeEu.blogspot.com – TEM PROMOÇÃO COM BlackBerry,e outras duas especiais.
    Espero sua visita!

    ResponderExcluir
  7. Oi Lari, adoro romances de banca também eles nos distraem tanto e sua resenha esta maravilhosa, não deixe mais passar tanto tempo é realmente um pecado isso afinal você resenha muito bem.
    Bjus
    Val
    Brilho das Estrelas

    ResponderExcluir
  8. Bom dia!

    É certeza de final feliz mas o desenrolar da história na maioria das vezes nos surpreende, neh?

    Beijos
    Luciana Apaixonada por Romances

    ResponderExcluir
  9. Parece mesmo uma gostosa leitura, tanto que anotei o nome.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir