='cap-left'/>

Carol Sabar - Como Quase Namorei Robert Pattinson



Roberto Cavalcante, o Gostosão da Geografia, deu mole para Duda, e ela nem “tchum” para o rapaz? Por quê? Bem, ele não era Robert Pattinson!?

Eduarda Carraro tem 19 anos, estuda Jornalismo na PUC do Rio de Janeiro, e está prestes a ir morar por 06 meses em NY junto com sua irmã, prima e uma amiga CDF. As quatro garotas possuem idades similares e querem aperfeiçoar seu inglês.

Só que Duda, no fundinho de seu coração, espera num acaso poder conhecer o Robert, afinal, é NY! Viciada na saga Crepúsculo, Duda, mais conhecida como @crepuscolica na internet, não sabe quantas vezes já leu os livros da série e viu os filmes e sabe que não há nenhum homem a altura de seu vampirão!

“Último twetts de @crepuscolica (...)
Emocionada. Minha comunidade no Orkut passou de 5.000 membros.
Participe “Homem depois de Edward Cullen? Esqueça” (p.16)”

Ao chegar em NY, a primeira burrada de Duda, é trancar seus livros da série dentro de um cofre. É só abrir! Seria, se Duda tivesse a senha ou conhecesse quem a tivesse. Oh, god! Os quatro volumes tem suas partes preferidas todas marcadas com caneta marca-texto, inúmeras anotações nos cantos das páginas e várias, mas várias fotos do Pattinson colocados nos espaços finais de cada capítulo.

Será que seu vizinho e dono do apartamento em que está vivendo sabe? Como gostaria de poder perguntar, pena que ele está viajando...

“Último twetts de @crepuscolica (...)
Conhece alguma técnica infalível de arrombamento
de cofre digital, chapa de açõ. De medida 12x33x17? Twita para mim!"


No curso de inglês ela conhece Pablo Rodrígues, um gato e macho com “m” maiúsculo! Logo os dois viram grandes amigos, apesar de todos a sua volta falarem para ela aproveitar a situação e ficar com ele, Duda o quer somente como amigo. Oras, ele não tira o seu sono, já Edward Cullen sim.

Finalmente! Seu vizinho voltou, não custava nada perguntar, não é? Vai que ele tenha as senhas.

OMG! OMG! A reação de Duda ao conhecer Miguel Defillippo, seu vizinho, é desfalecer em seus braços. Ele é a cara do Robert. Só pode ser alucinação, alguma pegadinha similar do Faustão... Mas era verdade, Miguel é um sósia do Robert. Excetuando alguns pequenos detalhes os dois eram iguaizinhos.

Aos poucos, Duda começa a mudar seus pensamentos. Não mais pensava no Robert, agora quem habita seus sonhos é Miguel. Contudo há tantas incógnitas demais sobre ele, será que um romance feliz como o de Crepúsculo acontecerá?

São tantos e tantos os detalhes que eu poderia comentar sobre o livro. Mas vou parar por aqui, para não estragar a leitura. Só uma aventura de Duda e Miguel não tem como não contar, acredita que ela consegue convencê-lo a tentar entrar em uma festa mega famosa na Big Apple, em pleno último dia do ano, utilizando a aparência dele? Nem é preciso dizer que uma confusão enorme foi armada. Foi hilário de ler.

Como quase namorei Robert Pattinson é uma leitura muito divertida e um romance fofo demais. Só achei que a história de Miguel e Duda poderia ter tido um pouco mais de ênfase. Talvez estivesse esperando que a autora utilizasse mais no enredo a similaridade física de Miguel com o astro Hollywoodiano como entrave no romance.

A originalidade da história, principalmente no começo, é outro fator mega positivo, as enrascadas de Duda são tão fora do usual, tão inesperadas e divertidas...
Duda é totalmente sem noção! Mas sei que existem milhares de Dudas mundo a fora, fãs tão loucas como ela.

A-D-O-R-E-I o livro. Ri horrores com ele. Carol Sabar, ao narrar em primeira pessoa, consegue nos apresentar com profundidade sua protagonista, então, entre as maluquices e sofrimentos de Duda, o leitor se envolve MUITO com ela.

O livro é mais que recomendado, são mais de 400 páginas de pura diversão.

Comentários
23 Comentários

23 comentários:

  1. Tô louca pra ler este livro!

    http://ju-vasconcelos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Quando vi o lançamento desse livro achei que ele seria um pé... Mas já li tantas resenhas positivas que estou morrendo de curiosidade para ler!

    Amei a resenha.

    Parabéns

    ResponderExcluir
  3. OI lari!

    Ai que fofo! Vou procurar para ler, só para acompanhar as loucuras da Duda kkk

    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Acho muito legal esse livro mais pela ideia dele, mas não tenho vontade de ler =/
    Ok, parece ser divertido e valer a pena, mas mesmo assim, ainda não senti vontade de ler. Não sei porque...preguiça, só pode xD

    ResponderExcluir
  5. hahaha, você acredita que tava com esse livro aqui e sem nenhuma vontade de ler? Simplesmente depois de ler sua resenha minha opinião mudou!

    ResponderExcluir
  6. Já ia me esquecendo de dizer...
    ótima resenha!
    lendo suas resenhas me interessei em ler Ana e o beijo francês e ameiii!
    Parabéns!!

    ResponderExcluir
  7. Ja faz tempo que quero ler esse livro, mas a oportunidade sempre passa, mas lendo a resenha fiquei com mais vontade.
    A capa é uma graça!
    Bjus

    ResponderExcluir
  8. Oi Lari!!! confesso que nunca tinha me interessado pelo livro por não gostar do titulo. Ok, sei que isso é loucura, mas sou meio doida :P
    agora lendo sua resenha ficou claro que esse é o tipo de livro para relaxar e entrou para minha lista.
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Ai, cara, que divertido! Confesso que quando li a sinopse do livro, não dei nada por ele, mas, depois de ler a sua resenha, acho que daria boas risadas com esse livro, viu? Acho que a gente o lê rapidinho, bolando de rir, claro, das loucas enrascadas que essa Duda se mete.
    Adorei a resenha!

    Sacudindo Palavras

    ResponderExcluir
  10. Quero saber tudo, amo ele de paixão!

    ResponderExcluir
  11. Que massa!
    Parece muito bom!


    Selene Blanchard
    Blanc – ModaeEu.blogspot.com – TEM PROMOÇÃO COM BlackBerry, E OUTRAS ESPECIAIS
    Espero sua visita!

    ResponderExcluir
  12. Nossa, agora eu realmente já vi de tudo!
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  13. Logo que li as primeiras resenha deste livro fiquei com vontade de ler, hoje esta vontade diminuiu um pouco.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  14. Ai gente, estou querendo ler esse livro faz uns dias, achei bem cômico e a história perfeita, imagino que da para rir muito mesmo \o/

    ResponderExcluir
  15. Incrível, quero ler esse livro faz dias, achei bem cômico.
    Imagino que dê altas risadas mesmo \o

    ResponderExcluir
  16. Oi flor,
    Sabe que no inicio achava que esse livro ia ser uma copia mal feita do crepusculo mas depois que fui lendo resenhas e conhecendo melhor a historia acho que ia gostar da historia ela parece ser super divertida e a protagonista parece ser uma figura.
    Bjksss
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa

    ResponderExcluir
  17. Aaah, estou doida querendo ler esse livro *-*

    ResponderExcluir
  18. Quero muito ler esse livro! É quase como uma obrigação. Rs.
    Sou super fã de Crepúsculo. Então já imagino que as confusões dela vão ser muito engraçadas.

    Bjoos

    ResponderExcluir
  19. Não sei se sou tão sem noção como a Duda, mas adoraria encontrar um sósia do Robert!! Nem que fosse para dar um beijinhos rs

    Adorei a resenha, o livro parece ser hilário!

    bjs

    ResponderExcluir
  20. kkkkkkkkkkkkkkkk

    vou dar muitas risadas com esse livro!

    ResponderExcluir
  21. Que história mais inusitada e original! Parece ser um livro muito engraçado! Adorei seu blog! Parabéns!!

    ResponderExcluir
  22. Oii Lari!Adore sua resenha, confesso que o que mais me interessou foi nome do Robert no titulo! UASHAUSHAUH Sou mais uma daquelas fãs louca pela saga!Mais realista é claro,mas meus sonhos não tem nada de impossivel! kkk ..
    Com certeza ta na minha lista de livro pra ler ;)

    ResponderExcluir
  23. Oi Lari,Adooorei a resenha, mas confesso que o que mais me chamou a atenção foi ler o nome do Robert no titulo!rss Sou mais uma das fãs loucas pela saga,noossa amor demais!Sou é claro um pouco mais realista mas nos sonho tudo e possivel! kkk.. esse livro com certeza já está na minha lista de livros pra ler! Bjus

    ResponderExcluir