='cap-left'/>

Julia Quinn - E Viveram Felizes Para Sempre

Sinopse: Alguns finais são apenas o começo...
Era uma vez uma família criada por uma autora de romances históricos... Mas não era uma família comum. Oito irmãos e irmãs, seus maridos e esposas, filhos e filhas, sobrinhas e sobrinhos, além de uma irresistível matriarca. Esses são os Bridgertons: mais que uma família, uma força da natureza.
Ao longo de oito romances que foram sucesso de vendas, os leitores riram, choraram e se apaixonaram. Só que eles queriam mais. Então começaram a questionar a autora: O que aconteceu depois? Simon leu as cartas deixadas pelo pai? Francesca e Michael tiveram filhos? O que foi feito dos terríveis enteados de Eloise? Hyacinth finalmente encontrou os diamantes?
A última página de um livro realmente tem que ser o fim da história? Julia Quinn acha que não e, em “E viveram felizes para sempre”, oferece oito epílogos extras, todos sensuais, engraçados e reconfortantes, e responde aos anseios dos leitores trazendo, ainda, um drama inesperado, um final feliz para um personagem muito merecedor e um delicioso conto no qual ficamos conhecendo melhor ninguém menos que a sábia e espirituosa matriarca Violet Bridgerton. Veja como tudo começou e descubra o que veio depois do fim desta série que encantou leitores no mundo inteiro.

Nome original: The Bridgertons: Happily Ever After
Ano de publicação: 2016
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 256
Nota: 5/5

“E Viveram Felizes Para Sempre” da autora Julia Quinn é o último livro da Série Os Bridgertons, lançado no Brasil pela Editora Arqueiro. Confesso que já estou morrendo de saudades dessa família maravilhosa que me conquistou antes mesmo de chegar ao Brasil, por isso torci muito pelo lançamento aqui e sinto-me feliz em saber que a série recebeu o devido valor que merece pela Editora Arqueiro.

Esse livro foi um presente da Julia, pois permitiu a nós, fãs, a matar a saudade dessa família linda e, principalmente, conhecer o grande amor que Violet – a matriarca – viveu com seu amado Edmund. Confesso que essa parte me emocionou bastante, pois sabemos qual é o final desse grande amor, um que, infelizmente, não é feliz.

Cada irmão Bridgerton recebeu um conto, geralmente sobre o que ocorreu em sua vida após o seu “felizes para sempre”. Algumas histórias se passam pouco anos depois, enquanto outras, num futuro longo. Ficamos sabendo se Francesca (O Conde Enfeitiçado) realizou o grande sonho de ser mãe e como Michael sofreu vendo a tristeza da amada. Lemos se Hyacinth (Um Beijo Inesquecível) e sua filha encontram os diamantes que Hyacinth procurou durante anos.

Já na história de Simon ficamos sabendo se ele leu as cartas do seu pai e também sobre uma grande surpresa que ele e Daphne (O Duque e Eu) recebem depois de vinte anos de casados. Enquanto que na de Anthony e Kate (O Visconde que me Amava) lidamo-nos com a competitividade ainda presente na vida do lindo casal.

Admito que a história que mais aguardava – até porque é o meu livro favorito da série – é a de Benedict e Sophie (Um Perfeito Cavalheiro), por isso fiquei um pouco decepcionada com seu conto, pois eles foram deixados de lado para que Posy (irmã adotiva de Sophie) conseguisse finalmente encontrar seu príncipe encantado. Gostei muito da história de Posy, o problema é que queria mais de Benedict e Sophie.

No conto de Eloise (Para Sir Phillip, Com Amor) quem ganha destaque é sua enteada, Amanda, que nos mostra como que foi a relação da madrasta com os enteados e como ela, Amanda, também conseguiu seu final feliz com um jovem que achava que seria improvável, mas que se revelou o seu príncipe.

No conto de Colin e Penélope (Os Segredos de Colin Bridgerton), a história não se passa no futuro, mas sim sobre o momento em que Eloise descobriu o segredo da melhor amiga sobre Penélope ser Lady Whistledown. Foi o conto mais divertido, principalmente porque Colin é um comilão e Hyacinth era uma pequena bem endiabrada.

Então, “E viveram felizes para sempre” é um grande presente que me permitiu matar um pouco da saudade dessa linda família. A série Os Bridgertons é uma das minhas favoritas, principalmente porque cada história é única. Não temos na série livros que parece só mudar o nome dos personagens porque as histórias são as mesmas.

Super recomendo o livro para quem já acompanha a série. E para quem não acompanha digo: LEIA LOGO!

Série Os Bridgerton’s
9) E Viveram Felizes para Sempre

Mais informações em:

click to zoom     
Site Julia Quinn   
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário