='cap-left'/>

Patricia Cabot - Um Amor Escandaloso

Um Amor Escandaloso
Sinopse: Quando a bela Kate Mayhew é contratada como dama de companhia de Isabel, filha de Burke Traherne, o marquês de Wingate se vê numa situação complicada. Por um lado, tem consciência de que a Srta. Mayhew é exatamente o que a jovem precisa, mas, ao admiti-la em sua casa, o marquês é obrigado a controlar a atração que sente pela moça. O grande inconveniente é que o cargo que ela ocupa a impede de se tornar uma de suas amantes. E Burke vive sobre o juramento de nunca mais se casar, depois de ter flagrado a ex-esposa num ato de traição.
Já a Srta. Mayhew não consegue parar de pensar em um homem pelo qual jurou nunca se apaixonar, e esconde um escândalo do passado. Ousará a bela moça lutar contra seus desejos e os fantasmas que parecem persegui-la? O homem que frequenta seus sonhos mais despudorados e o que habita seus piores pesadelos aproxima-se cada vez mais, e ela não sabe por quanto tempo mais conseguirá suportar.

Nome original: A Little Scandal
Ano de publicação: 2015
Editora: Record
Número de Páginas: 378
Nota: 5/5

A resenha de hoje é de uma autora que adoroooo...
“Um Pequeno Escândalo” é mais um romance histórico da Patricia Cabot que, para quem não sabe, é Meg Cabot Eu amo esse estilo de romance e adoro a autora, então já adianto que a leitura valeu a pena. O livro foi lançado esse mês no Brasil pela Editora Record, responsável por lançar outros livros da autora, como você pode conferir AQUI nas resenhas.

Kate Mayhew e Burke Traherne, o Marquês Wingate, não se conhecem de um modo conveniente. Na primeira vez que se encontram Kate praticamente bate em Burke, achando que ele é um sequestrador só porque segurava uma mulher sobre o ombro. Claro que tudo não passou de um mal entendido, afinal a mulher era na verdade Isabel, a filha de 17 anos dele.

Esse encontro impressiona o Marquês, pois a mulher parece ter pulso firme, por isso decide contratar Kate como a quinquagésima dama de companhia de Isabel. A garota fica feliz, afinal adorou Kate e chega até desejar um relacionamento entre seu amado e pouco comunicativo papai.

Kate tem 23 anos e já passou por situações terríveis. Ela pertencia a uma família abastada, porém um escândalo destruiu seu pai, que veio a morrer num incêndio juntamente com a esposa, deixando Kate órfã e sem nada, o que a obrigou a trabalhar desde jovem para sobreviver.

A vida de Burke também é regada de escândalos: ele se casou com uma mulher que acreditava amar e foi pai jovem, porém ela o traiu e, ao contrário de vários outros casais da época que fechavam os olhos para traição, Burke se divorciou e jurou nunca mais se casar. Depois de anos ele ainda é visto com maus olhos por muitas pessoas, o que ele ignora completamente.

Duas pessoas com seus dramas pessoais, mas com a necessidade de amar e serem amados, só poderia resultar em um belo romance. Porém antes do final feliz eles terão que lidar com vários inconvenientes e pessoas que não querem que este romance vá para frente.

“Um Pequeno Escândalo” é mais um delicioso romance de uma das minhas autoras favoritas. Já informo que não espere muito drama, pois Patricia Cabot adora acrescentar um toque de humor em suas obras, então o que não falta no livro são cenas divertidas. Li esse livro há um bom tempo, mas nem tinha me dado conta que era o mesmo até começar a leitura. Acabei relendo e amando mais uma vez. Na primeira vez que li foi na versão portuguesa, por isso deu para ver alguma diferença em palavras.

Kate e Burke são personagens maravilhosos que proporcionam cenas lindas e divertidas. Gostei realmente deles assim como do casal fofo que formam. Ele é um Marquês bem arrogante, porém se torna um fofo quando se mostra apaixonado. Gostei também da personalidade de Kate, pois ela, assim como as outras personagens femininas da Patricia, se mostra forte e decidida. Não tem como não torcer por eles que tiveram problemas no passado e que só querem ser felizes.

Outros personagens que se destacam no livro, são: Isabel, a filha do Marquês, que é meio doidinha e se apaixona todo dia por um cara novo. Ela também torce pelo romance do papai com a sua dama de companhia e não esconde isso; outro personagem ótimo é Freddy, um conde, que é amigo desde a infância da Kate e sempre disse ser apaixonado por ela, chegando a pedi-la em casamento várias vezes. Ele é bem divertido e proporciona algumas cenas ótimas também; Lady Babbie, a gata de Kate, é outra personagem adorável que torna a história divertida. A parte desagradável fica para Daniel Craven, alguém do passado da protagonista, que guarda segredos sombrios.

A trama é bem divertida, mas tem seus momentos de draminha, o que dá um toque especial ao enredo já que um bom romance histórico tem que deixar nossos olhos molhados nem que seja em uma página, não é verdade? Porém a história, digo e repito, é leve. Também bem romântica, divertida e da Meg, então acredito que muita gente irá gostar. 

Mais informações:
  
Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Oii Lu, tudo bem?
    Eu ainda não li nenhum livro do pseudônimo da querida meg, mas morro de curiosidades!!
    Sua resenha me cativou muito, fiquei mega empolgada.
    Um beijo.
    Garota do Livro

    ResponderExcluir
  2. Nossa. Vc me deixou com uma vontade imensa de comprar o livro agora! Também gosto muito da autora e acredito que fielmente que gostarei da leitura.

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Adorei a resenha não conhecia esse livro da autora. Estou lendo no momento Liberte Meu Coraçao e estou amando. Adoro romances históricos e livros divertidos então esse já entrou para minha lista.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Estou doida pra ler esse livro, gosto muito dos livros da Meg/Patricia Cabot ela é ótima, amei Proposta Inconveniente, essa resenha me deixou ainda mais interessada em conferi essa história.

    ResponderExcluir